Smartphones e experiências de conexões: interação digital em momentos de distanciamento social

O artigo de hoje foi apresentado no Encontro Virtual da ABCiber que aconteceu em 30 de junho e 01 de julho de 2020.

Ele foi escrito com a Profa. Dra. Saraí Patrícia Schmidt.

RESUMO:

Este estudo tem como objetivo identificar a percepção dos jovens em relação a sua interação digital em momentos de distanciamento social. A afirmação que a pandemia mundial do COVID-19 expôs algumas incertezas da vida cotidiana, por exemplo, as incertezas relacionadas à saúde, ao trabalho, a cooperação e a tecnologia, revela-se o fio condutor para a reflexão deste estudo sobre os processos de subjetivação e conectividade que ficaram cada vez mais interligados ao processo de inclusão digital das juventudes. Neste artigo utilizou-se a pesquisa descritiva, qualitativa, com levantamento (survey) realizado de 01 a 30 de maio de 2020, de forma on-line, com jovens brasileiros. O referencial teórico descreve questões sobre juventudes, conexão e interação digital e conta com os autores Feixa Pampols, Van Dijck, Castells, Reguillo Cruz, Rocha e Pereira, entre outros. Os resultados apontam que o smartphone não é simplesmente um dispositivo individualizado de comunicação e informação, mas um instrumento de conexão, interação e empoderamento digital das juventudes contemporâneas.

Baixe o arquivo:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s