Conheça Pip, a rede social dos “food lovers” que cresce exponencialmente

03 de Outubro de 2016 15h – Atualizado ás 15:39

A paixão pela cozinha não é mais uma coisa restrita para chefs e grandes restaurantes. Nos últimos anos, cozinhar se tornou um lazer para muita gente, que, com a democratização das redes sociais começou a se reunir, formando uma comunidade que recebe até um nome: os food lovers.

Ser um “food lover” na era digital significa ter um montante de informação sobre culinária ao alcance da mão, ou melhor, ao deslize dos dedos. Aplicativos e plataformas permitem que todos possam se aventurar na cozinha com ainda mais praticidade.

O segmento está tão desenvolvido que a comunidade ganhou até mesmo uma rede social, o Pip. Com um crescimento exponencial a rede já reúne centenas de milhares de amantes da cozinha em um espaço onde é possível compartilhar receitas com amigos, bem como curtir e comentar seus pratos, além de interagir com perfis de marcas, blogueiros, chefs e celebridades.

O aplicativo tem tudo que uma rede social tradicional tem, como uma timeline, perfil, hashtags e a opção de seguir e ser seguido por pessoas, mas com alguns diferenciais: o conteúdo relaciona-se apenas a receitas, criadas pelos usuários e marcas participantes, além disso existem ferramentas de pesquisa onde o usuário pode encontrar a receita que precisa. Trata-se do caderno de receitas reinventado. Nele é possível salvar as receitas que te atraem, reunindo os seus pratos e de outras pessoas. Além dos usuários, o conteúdo também é feito por marcas, que criam perfis e interagem com a audiência da rede social.

Com um conceito de “flat design”, o Pip consegue apresentar incontáveis receitas em um visual limpo, que faz valer a nomeação de rede social. Os pratos surgem como posts na timeline do usuário que, por sua vez, pode curtir, comentar, salvar a receita em seu caderno e ainda compartilhar com seus contatos nas ferramentas e redes sociais. Como mostra o exemplo abaixo:

Quando o usuário quer ser o protagonista é a área de receitas próprias que ele deve acessar. Lá ele consegue escrever a receita de seu prato, fotografá-la, ou até mesmo selecionar uma imagem do banco de imagens. Uma das curiosidades é a opção do uso do microfone, em que a pessoa fala sua receita e o aplicativo transcreve da mesma forma.

O Pip está disponível gratuitamente para download no Apple Store e Google Play.

Native Ads

http://adnews.com.br/adcontent/conheca-pip-rede-social-dos-food-lovers-que-cresce-exponecialmente.html

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s